sexta-feira, 5 de agosto de 2011

9 certos da administração segura de medicamentos

Estou sem fala apos descobrir a enorme quantidade de erros que anda acontecendo na administração de medicamentos.
Fazendo um trabalho para uma disciplina da pós (educação em saúde) fiquei chocada com as coisas que descobri.....

Ai vao alguns links de reportagens....

http://www.clicrbs.com.br/diariocatarinense/jsp/default.jsp?uf=2&section=Geral&newsID=a3104451.htm


http://noticias.r7.com/videos/bebe-morre-e-familia-acusa-erro-de-enfermeira-em-hospital-de-guarulhos-sp-/idmedia/818cd656613fecdea1570b64674e8f3a.html

Vejam algumas dicas para a administração de medicamentos segura :

1) PACIENTE CERTO (Conferir nome e sobrenome do cliente solicitando ao mesmo que diga seu nome e verificar o número de quarto e leito.)

2) MEDICAMENTO CERTO (Antes de preparar a medicação certificar-se mediante a prescrição qual é o medicamento, e conferir lendo, mais de uma vez, o rótulo do mesmo.)

3) DOSE CERTA (Antes de preparar de administrar a medicação certificar-se da dose na prescrição, lendo mais de uma vez e comparando com o preparado.)

4) VIA CERTA (Antes de aplicar a medicação, certificar-se da via mediante prescrição, lendo mais de uma vez e só então aplicar.)

5) HORA CERTA (Aplicar no horário previsto na prescrição, e no espaço de tempo de terminado, 6/6h, 8/8h,..., atenção especial à administração de antibióticos.)

6) TEMPO CERTO (Na aplicação da medicação, respeitar o tempo previsto na prescrição, por exemplo, se for em 30 minutos, ou em quatro horas, controlar adequadamente o gotejamento ou programar corretamente as bombas de infusão contínua ou bombas de seringa, controlando, dessa forma, a infusão conforme prescrição.)

7) VALIDADE CERTA (Antes de preparar a medicação sempre conferir a data de validade, NUNCA aplicar medicação vencida. Estabelecer uma rotina de verificação e controle de validade nos setores, em parceria com a farmácia.)

8) ABORDAGEM CERTA (Antes de administrar o medicamento deve-se esclarecer ao paciente qualquer dúvida existente referente ao mesmo e deve-se levar em consideração o direito de recusa do medicamento, pelo cliente. O primeiro passo sempre é dizer ao paciente qual medicação será administrada, qual é a via, principal ação do medicamento e como será feita a administração, sobretudo, medicações que hajam colaboração e ação do cliente como as sublinguais a explicação deve ser dada. Fale sempre de maneira clara e objetiva e esclareça o cliente.)

9) REGISTRO CERTO (Após aplicar a medicação registrar no prontuário checando com rubrica e ainda anotando queixas, suspensão ou não aceitação de medicação.)

0 comentários:

Notícias

Loading...

Sample Text

Estamos de passagem, mas não viemos a passeio